Translate

terça-feira, 10 de março de 2015

Pegadas pré-históricas de dinossauros intrigam pesquisadores


Um pesquisador de fósseis diz que sabe a identidade e a localização de quase todas as pegadas de dinossauro na China, até que ele começou a estudar novas pegadas pré-históricas na cidade de Panzhihua no sudoeste da província de Sichuan, na China, em março de 2014.
Xing Lida da Universidade de Geociências da China disse ao Huaxi Metropolitan Daily em Sichuan que as pegadas não parecem ser de dinossauro, e que ele acredita que o dono da pegada pode ser um Arcosauro pré-histórico chamado de “Hand Beast”.
Ele explicou que essas pegadas revelam similares morfologias às impressões das patas traseiras da Hand Beast, assim chamada por causa de sua pegada de cinco dedos, que se assemelha a uma mão humana.
Xing é um dos muitos pesquisadores e cientistas que está estudando as pegadas na atualidade, que foram descobertas no ano passado por Li Xuezhi, presidente da Associação Fotográfica de Panzhihua.
A pegada de 210 milhões de anos, localizada em uma colina na província de Sichuan, foi encontrada em um siltito cinza-roxo em uma área erodida de 100 metros quadrados. O local da pegada possui mais de 10 outras pegadas, cada uma tendo cerca de 18 centímetros de comprimento.
Li também não acreditava que as pegadas foram deixadas por um dinossauro. “As pegadas têm formas muito diferentes daquelas mostradas em alguns livros de dinossauros. Estes estranhos fósseis têm uma forma de quatro dedos, enquanto os dinossauros frequentemente mostram um padrão de forma com pé de três dedos e ocasionalmente uma de cinco dedos”, disse ele ao jornal.
Comparação com o Hand Beast
As pegadas recém encontradas possuem diferentes impressões de dedo comparadas com o Hand Beast, que de acordo com Xing, possui um arranjo quase simétrico do segundo para o quarto dedo, com o terceiro dedo sendo mais longo e o quinto (o mais externo) estendendo-se ao lado.
O Hand beast é geralmente atribuído a um tipo de Arcossauro que apareceu pela primeira vez no Período Permiano Superior (260 a 251 milhões de anos atrás) e ficou conhecido como o animal dominante na terra no período Triássico (250 a 200 milhões de anos).
Dado o grande tamanho das pegadas, Xing diz que o Hand Beast poderia chegar a um comprimento de mais de cinco metros e provavelmente se alimentava de dinossauros de porte médio.
Pegadas de Hand Beast foram encontradas em dois locais na Formação Guanling do sudoeste da província de Guizhou na China, no início de 1960, mas só foram corretamente identificados e adequadamente descritos 40 anos depois.
Xing adverte que ainda é muito cedo para atribuir conclusivamente essas pegadas recentes ao Arcossauro Triássico, já que é apenas uma hipótese.
“Há tantas diferenças entre as pegadas de Sichuan e de Guizhou , que elas teriam que ser colocadas em dois grupos diferentes de vertebrados evoluídos a partir de Arcossauros”, disse Xing.
Ele disse que ainda permanece incerto se este novo réptil estava realmente caçando os dinossauros menores, o que deixa ainda mais complicada a solução.
“Isso é o que há de tão fascinante nessas pegadas”, disse Xing.