Translate

terça-feira, 24 de março de 2015

ÁGUA: fonte de Energia VRIL




Os Antigos sabiam que grande quantidade de VRIL podia ser extraído da água. Por isso é que a água não é apenas importante para manter a vida, mas é a fonte de energia geradora, densificada na Terra, na realidade da terceira dimensão de espaço e quarta-densidade da matéria.

As correntes de Energia VRIL são frequentemente comparadas às correntes de água, e o fornecimento universal do VRIL é descrito como um OCEANO de VRIL.

LAGUZ: A RUNA DA ÁGUA

Laguz é a Runa da água ou ÁGUAS PRIMORDIAIS. Ao estudar a natureza rúnica de Laguz, podemos aprender algo sobre como a água é um meio importante para conduzir o VRIL.

A Água está conectada a subconsciência e portanto vital para gerar vigor físico, mental, tanto quanto o equilíbrio. É no campo não visível pela fisicalidade, que esta conexão ocorre e atua.

Portanto, sendo uma Runa de Água – Laguz simboliza a invisível Força da Vida – o VRIL.

Por vezes, enquanto sonham, as pessoa criam imagens mentais de situações que envolvem água, como mergulhar em diversos meios aquosos, como piscinas, rios, mares e afins...ou apenas molhar-se em um determinado momento. Estas imagens mentais sugerem um contato com a mente subconsciente.

Da mesma forma que LAGUZ revela a mente inconsciente, a Runa ANSUZ – Runa do AR – mostra a mente consciente, sendo esta última fundamental para a propagação adequada, da Energia VRIL.

Conhecendo estes princípios, anteriormente chamados de esotéricos e mitológicos, os Egípcios construíram suas pirâmides às margens do Rio Nilo, que antigamente tinha uma margem estendida, em determinadas áreas, de até 2 Km além do que se encontra hoje.
As pirâmides eram geradores eletromagnéticos de Energia VRIL.

Nikola Tesla construiu a famosa Torre Wanderclyffe ( 1901-1917) exatamente sobre um aquífero, tal e qual eram construídas as pirâmides, que além de estarem as margens do Rio Nilo, foram posicionadas sobre aquíferos rochosos, de forma a gerar a energia livre necessária, o VRIL.

Ao estudar estes temas entendemos que o anteriormente considerado esotérico, era a ciência avançada da época, não completamente entendida, até os dias de hoje...mas estamos a caminho deste resgate de conhecimento.

Texto adaptado e alterado do livro original de Robert Blumetti – “Vril – The Life Force of the Gods”