Translate

sexta-feira, 17 de abril de 2015

A NASA encontra um dos planetas gasosos mais distantes da Via Láctea


A NASA descobriu um exoplaneta nas profundezas da Via Láctea localizada a cerca de 13.000 anos-luz da Terra, e é um dos mais distante já conhecido.


A NASA descobriu um novo exoplaneta de gás na Via Láctea localizada há 13.000 anos-luz da Terra, que se chama Ogle-2014-BLG-0124Lb, relata em seu website . A maioria dos planetas conhecidos ficam entre 10 e 100 vezes mais perto da Terra.

O novo planeta tem a metade da massa de Júpiter e poderia ajudar os astrônomos a compreender melhor a distribuição dos planetas na Via Láctea . "Nós não sabemos se os planetas são mais comuns no bojo central da galáxia ou no disco da galáxia, de modo que essas observações são muito importantes", afirma uma das autoras do estudo, Jennifer Yee.

A descoberta ocorreu usando o Telescópio Espacial Spitzer, em colaboração com o telescópio OGLE no Observatório Las Campanas (Chile) e a chamada microlente, método que varre os céus em busca dos planetas.

A NASA diz que até esta data, 30 exoplanetas foram encontrados usando esta técnica, mas mais da metade deles não pode identificar a localização exata. Para a descoberta deste novo planeta gasoso OGLE, o telescópio detectou o início do fenômeno (que durou 150 dias) e o telescópio Spitzer (atualmente localizado há cerca de 207 milhões de quilômetros da Terra) começou a acompanhar o mesmo, sendo a chave para a determinação da sua posição.
RT