Translate

sexta-feira, 10 de abril de 2015

Conheça a macabra Aokigahara, a famosa floresta da morte do Japão [VÍDEO]


Para muita gente, o dia final de suas vidas é uma escolha e não algo à mercê da sorte ou do destino. A bela floresta de Aokigahara, no Japão, guarda os segredos dos muitos que decidiram que ali seria a última parada neste mundo. Chamada também de Mar de Árvores, a floresta é um destino turístico por sua beleza, mas também é conhecida por ser o segundo lugar do planeta em suicídios – o primeiro é a ponte Golden Gate, em São Francisco, nos EUA.
Situada perto do Monte Fuji, a floresta é cheia de rochas e cavernas de gelo. Ela oferece algumas trilhas para quem quiser conhecê-la, mas quem se aventurar por outros caminhos corre o risco de ser perder. Este último costuma ser a opção de quem quer tirar a própria vida por ali, e, em média, são encontrados cem corpos por ano. As buscas anuais são feitas por guardas florestais e voluntários, que removem objetos e mortos. De acordo com estatísicas, em 2004, um total de 108 pessoas deram fim à vida no local. Em 2010, foram 54, de acordo com entidades não ligadas ao governo, que parou de publicar números em 2003, na tentiva de não associar a floresta a um local de suicídios.
Nem todos que vão à floresta estão determinado a cometer o ato. Alguns indecisos, para não se perderem, usam cordas ou fitas para marcar o caminho. Muitos retornam, outros não. Desde muito antigamente, a floresta é vista para esta finalidade. Sua procura, contudo, aumentou relativamente após uma novela dos anos 60, chamada Kuroi Jukai, em que um casal se mata na floresta.
O habitantes locais, em sua maioria, tentam manter distância do Mar de Árvores. A área é cercada por mitos e lendas, com demônios e espíritos malignos. A floresta ainda seria assombrada por fantasmas daqueles que morreram ali.
Confira no vídeo abaixo a impressionante experiência de um guarda florestal que, entre outras funções, faz a busca por corpos em meio à mata:



Fonte:Vice