Translate

quarta-feira, 14 de outubro de 2015

Arma secreta poderia exterminar 90% da população americana, alerta político


Segundo o candidato milionário à presidência, John McAfee, os Estados Unidos estão “mal preparados” para enfrentar um eventual ataque eletromagnético e apela para que haja uma conscientização com relação a isso.
Pioneiro no desenvolvimento de softwares antivírus, John McAfee, adverte que uma arma eletromagnética poderia exterminar 90% da população americana e conclama os políticos de seu país a considerar essa situação como a principal ameaça à soberania nacional.
“Os especialistas concordam que um ataque cibernético se aproxima a toda velocidade, começando com um ataque de EMP (pulso eletromagnético) em nossa infraestrutura eletrônica, que acabaria com 90% da população humana deste país”, afirma McAfee. Isso, de acordo com suas palavras, implicaria “na morte de 270 milhões de pessoas, nos 24 meses seguintes ao ataque”.
Em respeito ao assunto, o major-general Thomas Masiello, do Laboratório de Pesquisa da Força Aérea Norte-americana, disse que “a capacidade é real e a tecnologia pode estar disponível atualmente”.