Translate

sábado, 28 de fevereiro de 2015

O que há na misteriosa e onipresente maleta levada pelos assistentes do presidente Obama?


A “nuclear football”, como é chamada informalmente, ou “maleta de emergência do presidente”, de acordo com seu nome oficial, é uma pasta de couro preta que está sempre nas mãos de um dos cinco colaboradores militares que acompanham Obama, dia e noite. Sempre ao alcance do presidente, responsável maior pelos exércitos norte-americanos, ela contém objetos secretos e pode ser utilizada para ordenar um ataque nuclear imediato.
O ex-diretor da Oficina Militar da Casa Branca, Bill Gulley, revelou o conteúdo dessa maleta, resumido em quatro elementos básicos:
• Um primeiro livro preto, com 75 páginas impressas em tinta preta e vermelha, que inclui as diferentes opções de ataque nuclear;
• Um segundo livro preto, que inclui uma lista de locais secretos para a proteção do presidente;
• Um envelope pardo, contendo dez páginas com instruções para operar o Sistema de Transmissão de Energia;
• Um cartão com vários códigos de autenticação. Quanto ao nome “nuclear football”, o ex-secretário de defesa, Robert McNamarra, revelou que deriva do termo “dropkick”, um tipo de jogada no futebol americano e que também se refere ao plano secreto de guerra nuclear.
Os colaboradores militares do presidente foram especialmente treinados para abrir a maleta em questão de segundos, diante da ameaça mais branda.
Fonte: Business Insider