Translate

quinta-feira, 5 de março de 2015

Bizarras mutilações de gado nos EUA intrigam pesquisadores

Após décadas de ataques, ninguém sabe dizer ao certo quem são os responsáveis pela atrocidade

Gados e outros animais foram encontrados brutalmente mutilados, e com órgãos removidos com precisão cirúrgica em todos os estados dos EUA ao longo do século passado (Lucas Sharret/Bloomberg via Getty Images)


Uma cadeia de mutilações de gado tem atormentado os agricultores e pecuaristas em todos os 50 estados dos EUA ao longo de décadas, mas ainda não conseguiram nomear nenhum agressor.
Vacas, cavalos, cabras e outros animais foram encontrados mortos de forma aleatória. Os corpos estavam mutilados e alguns órgãos foram removidos com precisão cirúrgica. Com cada um desses ataques, não há nenhuma marca deixada para trás, confundindo os fazendeiros e a lei.
Muitas teorias cercam essa misteriosa onda de ataques. Os suspeitos incluem animais predadores, seitas satânicas, extraterrestres e até mesmo o governo dos EUA. Até hoje, nenhuma prisão foi feita, embora mais de 10 mil ataques tenham sido registrados em todo o país, de acordo com o KLAS, TV Las Vegas.
Estes casos destacam-se dos ataques predatórios regulares. Sua natureza cirúrgica é estranha e inexplicável. O fazendeiro Tom Miller do Colorado lembrou seu primeiro encontro com as misteriosas mutilações: Os olhos, ouvidos, língua e órgãos reprodutivos tinham sido removidos de uma de suas vacas com grande precisão cirúrgica. Nenhum sangue foi encontrado no local, o que é típico entre os ataques de mutilação. Miller disse que o seu gado é periodicamente atacado desde 1999, de acordo com programa “The Unexplained Files” do Science Channel.
Além disse, há os ossos fraturados, incluindo costelas, dentro das carcaças dos animais mutilados, o que sugere que os animais foram levados, operados e em seguida caíram de uma altura elevada.
Os defensores da teoria extraterrestre sugerem que os aliens abduzem os animais e depois descartam os restos mortais, de acordo com o documentário “The Unexplained Files”. Ufólogos acreditam que a mutilação destes animais representa uma necessidade de tecidos corporais, a fim de criar híbridos humanos. Esta afirmação é carente de provas, mas, de fato, os embriões são removidos em muitos casos de mutilação, assim como os órgãos reprodutivos. Na comunidade científica, os embriões de vacas foram usados em tentativas de clonagem humana pela empresa Advanced Cell technology, em 1991, reportou a BBC e a NewScientist.
Uma explicação mais terrena vem de Chris O’Brien, que sugere que as mutilações são conduzidas pela governo dos EUA, em um esforço para evitar o surto da doença ‘vaca louca’, também conhecida como encefalopatia espongiforme bovina(BSE), que é conhecida por causar a doença humana denominada doença de Creutzfeldt – Jakob (vCJD). De acordo com O’Brien e “The Unexplained Files”, muitos dos animais contaminados no surto de BSE na Inglaterra em 1996 foram destruídos, transformados em fertilizantes e transportados para fazendas do mundo todo.
Apesar da frequência desses ataques, os céticos afirmam que não é nada mais que animais predadores.