Translate

quinta-feira, 19 de março de 2015

Mais de um milhão de estrelas estão se formando na misteriosa nebulosa de uma galáxia próxima


Mais de um milhão de estrelas supermassivas tem nascido de gás molecular extremamente quente da vizinha galáxia anã NGC 5253, que pertence à constelação Centaurus.

Na imagem feita pelo telescópio Hubble, esta galáxia é vista com pontos azuis e brancos e são jovens -3.000 mil anos de superaglomerados de estrelas. A mistura das cores vermelho e laranja aponta a formações de gases quentes, informa el site informativo Science Daily .

Um desses superaglomerados contem mais de 7.000 estrelas maciças, cada um dos quais é um milhão de vezes mais brilhante que o sol. Este superaglomerado é envolto em uma grande nebulosa planetária formada por supermassivas nuvens de gás.

Este gás é  15.000 vezes a massa do Sol e é feito de carbono e oxigênio. A parede de gás ampla captura a luz emitida a partir de supernovas, sem ser vista por estes superaglomerados.
RT