Translate

segunda-feira, 6 de abril de 2015

Empresa planeja iniciar processo de mineração na Lua


A Moon Express, empresa fundada em 2010 e que tem como presidente Andrew Aldrin, o filho do astronauta Buzz Aldrin, um dos membros da missão Apollo 11 e o segundo homem a pisar na Lua, testou um protótipo que está pronto para guiar uma missão em 2016.

No projeto definido com a frase “Retornamos”, a empresa menciona a Lua como o “oitavo continente” e planeja uma mudança de paradigma na exploração público-privada do satélite. Essa exploração inclui, obviamente, um interesse econômico que seria a base para uma estadia duradoura no oitavo continente: trata-se da mineração, que permitiria à Moon Express utilizar recursos que são escassos na Terra, mas abundantes na Lua. Dessa maneira, se aprofundaria o conhecimento sobre o que ela teria a oferecer, trazendo um impulso na exploração de sua superfície.
Entre os minerais que atraem os pesquisadores e investidores estão, além da platina, o hélio-3, um material utilizado na fusão nuclear. Assim, a Moon Express se lança na vanguarda de um novo tipo de indústria: a mineração extraterrestre.
Fonte: El Mundo