Translate

segunda-feira, 13 de julho de 2015

Prepare-se para morar em um edifício voador


Tecnologias de ponta inspiraram uma proposta arquitetônica revolucionária, que prevê a construção de edifícios capazes de ficarem suspensos eletromagneticamente diante de ameaças sísmicas e inundações.

Recentemente, Greg Henderson, fundador da empresa Arx Pax, trabalhou com um grupo de inventores para desenvolver o que ele chama de “Magnetic Field Architecture” (MFA, ou “Arquitetura de Campo Magnético”, em português), um tipo de tecnologia eletromagnética que faz com que os objetos levitem.
A ideia já foi testada com a criação de skates voadores, como o hoverboard, o famoso aerodeslizador de “De Volta para o Futuro” (clique aqui e saiba mais), um sistema muito parecido ao princípio aplicado nos trens de alta velocidade Maglev.
Em uma entrevista para a revista Forbes, Henderson afirmou que “a ideia surgiu da tentativa de conseguir levitar os edifícios durante terremotos. Todos os padrões que eu estava procurando correspondiam a objetos em movimento. Por isso me perguntei: por quê? Se posso fazer com que um trem levite, por que não uma casa?” De acordo dom ele, a técnica é muito similar ao princípio das mesas do hóquei de ar, embora com um funcionamento inverso, que se dá através do eletromagnetismo e da lei de Lenz.
A empresa prevê a construção de edifícios sobre uma enorme prancha de cobre, ou alumínio, com ímãs. Diante da ameaça de um terremoto, os eletroímãs se ativariam para descolar ligeiramente o edifício do solo, evitando assim as consequências de um tremor.