Translate

quinta-feira, 6 de agosto de 2015

Teria um cemitério alienígena sido encontrado?


Abaixo está uma história fantástica que já foi publicada há algum tempo pelo site weeklyworldnews.com, mas até agora não se ouviu mais nada a respeito.  Embora provavelmente tenha sido uma notícia falsa, fica aqui o registro para a apreciação de nossos leitores: 
Cientistas dizem ter encontrado um cemitério extraterrestre na África central, o qual tem pelo menos 500 anos.+
“Deve haver 200 corpos enterrados lá e nenhum deles é humano”, disse o Dr. Hugo Childs, um antropologista suíço para os repórteres em Kigali, Ruanda.+
Eles estão em excelente estado de conservação para serem velhos“, ele adicionou. “As amostras de solo e tecido indicam que os corpos tem estado enterrados desde a década de 1400.  Estamos tentando descobrir de onde vieram – e o que os matou.”+
O Dr. Childs e seus colegas supostamente descobriram um cemitério alienígena num levantamento rotineiro de pesquisa das florestas de Ruanda.+
Eles originalmente pensaram ter encontrado os restos de um vilarejo de centenas de anos.  Mas as escavações supostamente revelaram somente corpos alienígenas – empilhados de cinco em cinco, numa clareira na floresta.+
“As próprias criaturas eram muito mais altas e mais magras do que humanos”, disse o especialista. “Eles tinham aproximadamente 2,3 metros de altura e não eram mais largos do que as pequenas árvores ao redor.  Suas cabeças eram maiores do que a média de um homem e não tinham boca, nariz ou olhos perceptíveis.  Presumo que eles se comunicavam entre si telepaticamente e se moviam como morcegos por intermédio de algum tipo de radar biológico.”+
Sem maiores estudos, não há como dizer com certeza o que matou os extraterrestres.  Mas o Dr. Childs especulou que os 200 alienígenas faziam parte de um grupo de aterrissagem que encontrou um vírus mortal.  Devido ao fato deles não terem imunidade à doença da Terra, ele adicionou, algo tão simples como uma gripe poderia ter aniquilado toda a equipe.+
“Alguns deles devem ter sobrevivido, porque não há evidência de nenhuma nave espacial”, disse o Dr. Childs. “É claro, à medida que nossas escavações continuam, não há como dizer o que encontraremos.”+
O Dr. Childs não levou os repórteres até o sítio arqueológico, com receio de que os corpos seriam perturbados.  Porém, ele prometeu revelar a localização uma vez que as escavações estiverem completadas.+
“Isto irá mudar o mundo”, disse o Dr. Childs.+
O Weekly World News continuará a fornecer atualizações, à medida que elas cheguem.1
Só que até agora, não forneceu mais nada.
via OVNI HOJE