Translate

quinta-feira, 24 de setembro de 2015

Asteroide gigante passa ‘próximo’ à Terra nesta quinta-feira


Um enorme asteroide passará próximo à Terra nesta quinta-feira. Mas, contrariando qualquer teoria sobre o fim dos tempos, o objeto cruzará o espaço a uma distância de 8 milhões de quilômetros. Como o próprio setor de monitoramento de asteroides da Nasa alertou por meio do Twitter, o episódio não representa qualquer perigo para a Humanidade.

A rocha espacial, inclusive, passará a uma distância tão grande que nem será possível observá-la sem o auxílio de um potente telescópio.

O episódio ganhou relevância porque coincide justamente com as datas que vários teóricos da conspiração afirmaram que o mundo ia acabar - entre 15 de Setembro e 28 de setembro, quando a lua de sangue deve chegar.

O alerta apocalíptico original foi feito por um profeta autodeclarado Efrain Rodriguez, que disse que um grande cometa estava em rota de colisão com Porto Rico. A história ganhou visibilidade através do Facebook, enquanto ele passou a reivindicar que cientistas observassem o asteroide durante meses.

Em setembro, o Laboratório de Propulsão a Jato da Nasa já havia emitido um comunicado dizendo que a teoria não possuía qualquer embasamento.

- Não há nenhuma base científica - nenhuma evidência - de que um asteroide ou outro objeto celeste irá atingir a Terra nestas datas - declarou Paul Chodas, gerente do projeto de Objetos Próximos da Terra do Laboratório de Propulsão a Jato.

O laboratório também garantiu que todos os asteroides perigosos conhecidos têm menos de 0,01% de chance de se chocar contra o planeta nos próximos 100 anos.