Translate

sábado, 12 de março de 2016

Ex-fuzileiro naval estadunidense descreve atividade de OVNI / UFO sobre base militar

Portão de entrada da base de Guantanamo.
Um ex-fuzileiro naval dos Estados Unidos que estava a serviço na Baía de Guantanamo, Cuba, em 1968 e 69, se manifestou para revelar uma atividade OVNI observada dentro e ao redor da base, de acordo com testemunho registrado no Caso nº 74794 da Mutual UFO Network – MUFON.
O fuzileiro naval estava de prontidão na linha da cerca.
“Todos nós fuzileiros estávamos impressionados com a quantidade de atividade OVNI sobre e ao redor desta base”, declarou a testemunha. “Virtualmente todas as noites OVNIs estavam voando acima de nós, a altitudes de menos de 90 metros.”
A testemunha descreveu o que viram na época:
“A maioria destes OVNIs tinha aproximadamente entre 15 e 30 metros de diâmetro, mas a olho nu eles pareciam fora de foco, nebulosos, com pequenos rastros vermelhos por detrás deles.  Quando fiquei de guarda no lado sul da base, testemunhei em muitas, muitas noites, OVNIs pousando e decolando do oceano.  Havia grandes luzes azuis se movendo ao redor deles no oceano e então vagarosamente perdiam seu brilho à medida que, obviamente, submergiam.”
A testemunha disse que o evento mais emocionante veio quando ele ficou de guarda no portão principal.
“Eram aproximadamente 19h00 (escuro), quando sai da guarita e olhei do outro lado da cerca na guarita cubana abandonada, quando algo captou meus olhos.  Por detrás da guarita cubana, próxima do solo, estava uma enorme nuvem com uma luz pulsante azul/branca no meio dela.”
A testemunha pediu a seu parceiro para verificar o que ele estava vendo, porque agora o objeto tinha se elevado acima da guarita cubana e estava vindo diretamente em sua direção.
“Logo então, a torre de observação nos chamou e estava gritando para darmos o fora de lá.  Naquele momento era muito tarde, porque o OVNI estava sobre meu parceiro e mim.  Não havia ruído algum, somente esta linda nuvem branca, com uma luz azul/branca pulsante.”
Os dois ficaram lá em pé por vários minutos, somente olhando ao objeto, até que o sargento da guarda os ordenou a deixarem a guarita.
“Caminhamos até o dormitório, que fica numa colina a aproximadamente 60 metros de distância, onde pudemos observar de uma distância segura.  A inteligência da base chegou com uma equipe de pessoas que começaram a filmar este OVNI, que lá ficou por aproximadamente três horas antes de se mover ao oeste da linha da cerca.  O OVNI viajou aproximadamente 400 metros, parou por um momento, então, como uma bala, subiu direto para o céu até desaparecer.  Eu gostaria de retornar até lá para ver se os OVNIs ainda estão aparecendo.  As datas que mencionei são um tiro no escuro, pois isto ocorreu há 50 anos.”
O campo de detenção da Baía de Guantanamo é uma prisão militar estadunidense, localizado dentro da Base Naval da Baía de Guantanamo, em frente a Baía de Guantanamo, Cuba.