Translate

quinta-feira, 9 de abril de 2015

A MAIS ANTIGA ARMA DE GUERRA


O Vajra é o mais importante objeto ritualístico do Budismo Vajrayana. Em Sânscrito a palavra Vajra é definida como relâmpago, algo poderoso, raro e brilhante como um diamante. Ele simboliza um impenetrável e indestrutível estado de conhecimento e iluminação.
No Tibet é conhecido pela palavra Dorje, sendo representado da mesma forma.
Nosso conhecimento deste tipo de objeto está ligado as mais remotas épocas consideradas dentro da história da humanidade, sendo que, muitos se aventuram a data-los de muito antes do oficialmente aceito. Os textos indicam que o Vajra ou Dorje, não eram objetos de paz e tranquilidade e sim algo muito diferente. Primariamente ele aparece na Índia antiga onde era a arma principal do deus vedanta Indra, Rei dos Devas, que viajava em carruagens celestes chamadas de vimana.
De acordo com a literatura Hindu, Os Puranas, as entidades negativas chamadas de Asuras, removeram toda umidade e luz da Terra. Para combate-los, Indra pede a ajuda de Lord Shiva, que o aconselha a usar uma arma que não era sólida, nem líquida. Esta nova arma lançava raios poderosos e com ela, Indra aniquilou os seres malignos, retornando água e luz para a Terra. O Rigveda também descreve este incrível conflito.