Translate

quarta-feira, 13 de maio de 2015

Revelam o mistério das manchas escuras da lua Europa


Os cientistas da NASA revelaram o segredo das manchas escuras que aparecem na superfície de Europa, um dos satélites de Júpiter. As manchas foram descobertas por Galileu em 1997.

As manchas escuras na superfície da lua Europa provaram ser camadas de sal do mar que adquiriram a cor preta devido ao impacto dos raios cósmicos, diz o Jornal  Geophysical Research Letters ".

As manchas são deixadas na superfície da lua de Júpiter após evaporar a água que havia escapado do oceano sob o gelo e, aparentemente, abrange todo o  satélite.

"As investigações sobre o fenômeno de manchas escuras em Europa são muito importantes, porque ajudam a esclarecer a questão fundamental de saber se existe vida nas águas do oceano sob o gelo da lua", explica o cientista  da NASA  Curt Niebur.

Para encontrar a origem das manchas, os pesquisadores usaram um simulador. Este dispositivo permite recriar as condições reais desta lua de Júpiter: a quase total ausência de atmosfera , uma grande quantidade de raios cósmicos, temperaturas de -173ºC e um forte campo magnético produzido por Júpiter. Os cientistas criaram amostras de gelo da lua e introduziram o dispositivo para ver como  reagiriam.
RT