Translate

sexta-feira, 18 de dezembro de 2015

Essas botas são o símbolo do fim da era de exploração humana da Lua


Na última segunda-feira (14), comemorou-se o aniversário de retorno da última expedição à Lua feita por humanos.Harrison Schmitt e Eugene Cernan passaram três dias explorando a região de Taurus-Littrow para a missão Apollo 17, após meses de treinamento em terra. As botas acima foram feitas especialmente para Cernan; o astronauta as calçava por cima da bota acoplada ao seu traje espacial, para formar uma camada extra de proteção contra mudanças térmicas e pedras lunares especialmente pontiagudas. 
A missão Apollo 17, conhecida por ter investido pesadamente em exploração científica, foi a única que fez investigações geográficas sobre o campo de gravidade lunar e suas propriedades elétricas. A dupla de astronautas também ficou famosa – talvez não da melhor forma – por ter consertado danos em seu lunar rover (um carrinho lunar, em tradução livre) usando um mapa e fita adesiva
As botas de Cernan, atualmente, fazem parte do Museu do Ar e do Espaço (National Air and Space Museum, ou NASM), em Washington, nos Estados Unidos. Mais informações aqui.
(Via Gizmodo)