Translate

segunda-feira, 7 de dezembro de 2015

NASA quer fazer o seu C-3PO para Marte


Não há como negar que o envio de uma missão tripulada a Marte é um desafio caro e arriscado. Ciente disso, a NASA trabalha no desenvolvimento de um robô humanoide, no estilo C-3PO, de Star Wars, para preparar o terreno para seres humanos. 



O robô, chamado R5, já custou US$ 6 milhões em investimentos - metade do dinheiro veio da NASA e a outra do DARPA (Defense Advanced Research Projects Agency). 

Nossa tecnologia ainda está longe de desenvolver um humanoide que possa se virar sozinho em outro planeta. Robôs bípedes que se levantam após tombos, enfrentam terrenos irregulares ou que escapem de espaços pequenos representam um desafio à robótica moderna. 

A agência norte-americana decidiu repassar o desafio a duas universidades - Northeastern e o MIT- que receberam um par de R5s e US$ 500 mil cada. A NASA tomou consciência que agora é necessário um time de feras da robótica para dar sequência ao projeto. Quando vier a parte de materiais e o uso do robô no espaço, a NASA entrará novamente na história. 

O projeto audacioso não possui somente fãs. Os críticos ressaltam existem outros tipos de robôs, fora o modelo humanoide, que trabalham bem. Por exemplo, por que um robô com rodas, braços e filamentos não poderia dar conta do recado em Marte? 

Fonte: Wired